29 de janeiro de 2014

Poda estrutural do Ligustrum

Não tenho tido muito tempo para actualizar o blog, mas no workshop com o Márcio ainda trabalhei mais algumas árvores e tenciono mostrar aqui a evolução dos projectos.

Podem ver aqui o primeiro post sobre este ligustrum, que ficou em crescimento livre durante cerca de meio ano até esta primeira intervenção. Isto permitiu-lhe adaptar-se ao novo lar e engrossar a ramificação secundária, de modo a poder começar a construir agora o resto da ramificação.

A poda foi bastante mais radical do que eu inicialmente previa, mas penso que se descobriu aqui a estrutura de uma pequena árvore com um carácter bastante interessante.

Foi posta a hipótese de transplantar esta árvore agora no início da Primavera, mas acabámos por decidir que é melhor deixar a árvore desenvolver com toda a força este ano e transplantar apenas em 2015. Prevê-se muito clip-and-grow, mas é um projecto que me deixa entusiasmado!

Ficam as fotos, que mais uma vez não fazem justiça à árvore. 

Provável frente


Um abraço,
Gonçalo

20 de janeiro de 2014

Pinus Mugo

Comprei este pequeno Pinus Mugo num viveiro aqui de Viseu por 6€, mas decidi guardá-lo durante durante cerca de 2 meses para lhe permitir adaptar-se ao novo lar, ao mesmo tempo que olhava para ele sem saber bem que caminho seguir.

Felizmente surgiu a oportunidade de o levar para um workshop com o Márcio Meruje e não podia ter ficado mais satisfeito com o resultado final! Apesar de ter custado tão pouco, parece ter sido um bom investimento e revelou-se uma árvore com algum potencial.

Como preparação para o workshop, foi feita uma limpeza das agulhas (obrigado Joana!) e foi feita uma selecção inicial dos ramos que podiam ter interesse. Se por um lado eu queria que a árvore tivesse as opções todas em aberto quando fosse trabalhada, por outro queria usar este pinheiro como teste para ver se a minha capacidade de análise estava a melhorar e então fui cortando o que no meu entender estava claramente a mais e deixei o que poderia ficar no desenho final.

Pinus Mugo conforme veio para casa
Depois da limpeza das agulhas e selecção de alguns ramos
Resultado final ainda sem certeza quanto à inclinação
Com a estrutura quase totalmente definida, agora é só ramificar e, em 2015, já deve passar para o seu primeiro vaso de bonsai. 

Devo dizer que sozinho não conseguiria descobrir o que este pinheiro tem para mostrar, mas para isso é que servem os workshops com alguém mais experiente e com outra visão do futuro da árvore. Obrigado pela ajuda, Márcio!

Um abraço,
Gonçalo

-------------------------------------------------------------------

Queria também deixar o meu agradecimento a todos os que gostaram da página no facebook, em especial à Anita do blog Mais Feminices e à Carol Mello pela divulgação incansável do meu blog! Já somos mais de 1000! :)